Acho que nesta altura do campeonato todos já ouviram falar que as meninas enlouqueceram e resolveram fazer o seus bitcoins a sua maneira!

Sem placas de vídeo e sem habilidades em arbitragem, usaram o que possuem: um corpinho sexy.

As vezes nem isto, somente o poder do voyerismo alheio mesmo.

Pronto, está aberta mais uma polêmica do mundo bitcoin!

Um grupo crescente de meninas e agora também rapazes, se assim podemos chamá-los, estão fornecendo fotos que vão de sensuais a sexuais por contribuições em bitcoins.

Os valores vão de poucos até algumas dezenas de bitcoins por foto, o que no mercado de hoje seriam entre 50 a 200 dólares.

O boom era inevitável! Vários sites de hospedagem gratuitas de imagem já foram derrubados devido ao acesso.
Pornografia sempre vendeu e sempre venderá!
E a coisa não para por ai! Já apareceram novos sites para facilitar a vida de quem pretende se prestar a esta carreira com tutoriais e normas de “etiqueta” para este novo trabalho.

É diversão garantida para quem gosta, dinheiro para quem se presta e polêmica, na melhor das hipóteses, para mídia.
Com certeza vão vir agora os falsos puritanos, os verdadeiros puritanos e os que queriam ganhar dinheiro com isto e não estão ganhando para acusar, sensurar, tentar proibir e etc.
Isto é certo ou errado? Não sei! O que sei é que já vem acontecendo tem muito tempo, só que no lugar de bitcoins são as moedas tradicionais e no lugar de meninas e rapazes, são modelos profissionais.
Não sei o rumo que isto vai tomar, mas acredito que veio para ficar.
O segmento já existia e sempre vai existir, acredito que somente será a quebra de um monopólio.

Viva o bitcoin e viva a liberdade.

E que Deus dê juizo a todo mundo.

 

Girls Gone Bitcoin
Avalie