Moeda digital cresce a cada ano e se torna realidade no país. Mercado Bitcoin quer chegar a 250 mil clientes em 2016.

O maior site brasileiro de compra e venda de moedas digitais, o Mercado Bitcoin, chegou a mil clientes cadastrados neste mês de Dezembro

Outro número relevante é que a empresa superará a marca de 35 milhões de reais negociados no ano de 2015. É a maior de sua história, iniciada em 2011. É uma marca expressiva para um tecnologia financeira cujos impactos ainda estão sendo avaliados

“Cerca de 90% dos clientes que negociam no site usam o Bitcoin como forma de investimento de risco. Os 10% restantes compram ou vendem por usá-lo como forma de pagamento. Para ter uma ideia da dimensão do número de clientes, a Bovespa conta hoje com cerca cerca de 500 mil investidores cadastrados”, diz Rodrigo Batista, sócio do Mercado Bitcoin.

O Bitcoin, a primeira e mais conhecida moeda digital que não depende de um governo ou empresa central, tem passado por um crescimento constante desde seu surgimento, em 2009. Recentemente passou a ser um dos assuntos mais debatidos por mídias especializadas no setor financeiro e mesmo fora dele. Sua tecnologia foi capa da revista “The Economist” no mês de outubro.

O site Mercado Bitcoin tem como meta chegar em 250 mil clientes ao final do ano de 2016 o que o colocaria com a metade do número de clientes Bovespa. A startup acredita também que no próximo ano os pagamentos com a moeda vão se tornar uma realidade. Profissionais que prestam serviços digitais e sites de e-commerce  encontram na moeda um jeito rápido de receber por seus serviços e produtos.

Sobre o Mercado Bitcoin

Mercado Bitcoin é a maior empresa de moedas digitais da América Latina.
O site foi criado em 2011 como um intermediador de compras e vendas de bitcoins. Em 2013, passou a negociar também litecoins, a segunda maior moeda virtual.
Em 2014, tornou-se uma empresa de pagamentos com moedas digitais. Oferece também diversos produtos para lojas que desejam trabalhar com a moeda.
Mercado Bitcoin atinge 100 mil clientes e negocia 35 milhões de reais em 2015
5 (4 votos)