O Mundo Bitcoin tem muito a ensinar para o sistema financeiro, segundo Christine Lagarde

Chegou a hora dos bancos centrais e dos reguladores do mercado financeiro mundial começarem a levar a sério o Bitcoin e as outras moedas virtuais.

A afirmação contundente foi dada por ninguém menos que Christine Lagarde, diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), em um artigo publicado no site da instituição.

No texto, a executiva fala sobre a necessidade de nos prepararmos para as novas possibilidades que as criptomoedas oferecem.

E que apesar de parecerem arriscadas, elas representam o futuro. Então “não seria sábio, ignorá-las”, escreveu.

Em relação as acusações do bitcoin ser uma fraude, como alguns costumam dizer, Lagarde ressalta que é importante não categorizar as moedas virtuais como especulação, e aproveitar seu know-how tecnológico para fazer com que todo o sistema se torne mais eficiente e tenha um custo mais baixo.

Caminho das pedras

E a chave para conseguir esses objetivos é uma só: a cooperação.

Desenvolvedores, bancos, investidores, empresas, entidades reguladoras e líderes mundiais devem estar dispostos a dialogar para deixar o sistema financeiro global ainda mais seguro.

Basta que todos os pontos dessa corrente estejam alinhados e abertos a novas ideias e demandas, à medida que as economias evoluem.

Resta saber quem será o primeiro país a dar um passo a frente e ver oportunidades ao invés de desafios.

Façam suas apostas.

Sistema financeiro precisa aprender com o Bitcoin, diz diretora do FMI
4.8 (5 votos)